1 de agosto de 2008

Acabaram as Obras




Afinal, tínhamos nós começado a pintar o quarto das miúdas com antecedência, para podermos andar nas calmas.

Isto porque as caminhas foram feitas por encomenda e iam demorar a chegar e, as colchas e os estores foram encomendados por catálogo (na Vertbaudet), que supostamente também iam demorar!!!!

Pois é... em duas semanas tinha tudo em casa para colocar no lugar!!!

Agora falta a decoração final: as paredes estão muito vazias e os móveis também.

Com calminha e paciência irei colocando agora os pormenores que faltam.

Mas... já dá para ter uma ideia.

Já está a ficar engraçado, não acham???

6 comentários:

Diana disse...

Está a ficar liiindo.Adoro as coisas da Vertbaudet;))
Beijinhos

káthia disse...

Olá querida!!!
Nossa, ficou maravilhoso o quarto das meninas, e que colcha é essa?? linda, linda!!
Beijos!!

Vânia Medeiros disse...

Está lindo! Adoro essa cor!
Parabéns pelo bom gosto ;)

Beijinhos da MoonLight

Cris disse...

ola'Susy....

Esta muito giro o quarto das tuas filhotas....

Esta mesmo fofo e giro, e elas devem ter adorado principalmente a I. que adora o Rosa....
Boas Ferias....
beijocas

Cândida disse...

adorei o teu blog se puderes passa no meu blog de ajuda aos animais http://cantinhodeajudaosanimais.blogspot.com e divulga se não for pedir muito ,mas precisamos de todas as ajudas ..
bjis candida

Escaladora de Arco-íris disse...

Um bom dia para você, de um Outono gostoso, sem ventos, com sol e como sempre: um calorzinho... Este site entrará para minha lista como os de mais bom gosto, já visitados...Esta tinta foi exatamente a que utilizei no quarto de minha filha... Depois lhe envio uma fotinho do quarto dela. Deixei o quarto maior para ela e já tinha metido a tinta pink na parede, quando soube que estava grávida de gêmeos. Tarde demais. Eles ficaram com o quarto menor mesmo... Querida, uma obra nunca acaba quando se tem filhos...Temos casa em Mangualde,mas faz 4 anos que não vou a Portugal. Muitas Saudades, ainda mais quando chegar aí,e sentir que não é mais o mesmo Portugal, sem meus avós. Beijinhos. (Eu vou mandar a foto, tá?)